APRESENTAÇÃO

 

Este site destina-se a públicos diferenciados, mas que têm como ponto comum, o interesse pela Arte e que, sob diversas formas, lidam com o objeto artístico.

Abrangendo um leque alargado de interesses, procura ir ao encontro de quem tenha gosto pelo saber artístico, o desejo de aprofundar conhecimentos em diversas vertentes do campo da Arte, a necessidade de realizar inventários ou publicações ou procura orientação em trabalhos académicos.

Assim, propomos, essencialmente, a realização de trabalhos no âmbito dos Inventários, dos Estudos Iconográficos e de Orientações Académicas (Mestrados e Doutoramentos). Informações mais específicas sobre estas vertentes podem ser vistas no menu «Serviços» ou enviar uma mensagem através dos endereços apresentados no menu «Contactos».

De forma sucinta apresento alguns pontos do meu perfil, podendo ser vistos em detalhe outros itens no menu «Curriculum».

 

*          *          *

Luís Alberto Casimiro é licenciado em Artes Plásticas – Pintura (1986­-1991) pela Faculdade de Belas-Artes da Universidade do Porto (Portugal) e Doutorado em História da Arte (1997­-2005) pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto (FLUP) como bolseiro da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) e da Fundação Calouste Gulbenkian.

Antes da licenciatura em Belas-Artes frequentou o Curso de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (1979-­1985).

Em março de 2005 defendeu a Tese de Doutoramento em provas públicas tendo sido aprovado por unanimidade, a classificação máxima que é atribuída.

A Tese, composta por dois volumes, possui 2144 páginas e tem como título: «A Anunciação do Senhor na Pintura Quinhentista Portuguesa (1500-­1550). Análise Geométrica, Iconográfica e Significado Iconológico». Um dos aspetos inovadores da Tese consiste na relação entre Arte e Ciência, possibilitada pela formação anterior nos domínios das Artes Plásticas e das Ciências Exactas, o que permitiu a análise das obras de arte com critérios científicos no âmbito da Geometria e da Matemática.

Em 2010 a Tese de Doutoramento foi galardoada pelo Vaticano, com o prémio anual das «Pontificie Accademie in Mariologia», concedido pelo «Pontíficio Consiglio della Cultura», e que constitui o maior galardão atribuído pelo Vaticano no campo da cultura, sendo conferido pela primeira vez a um investigador leigo e a um português.

A Tese foi revalidada em 2015 pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP – São Paulo, Brasil) tendo, assim, obtido o reconhecimento e a equiparação das Universidades Brasileiras ao grau de Doutor em História da Arte.

Em 2006-­2008 realizou o Pós-­Doutoramento intitulado “A Análise Iconográfica, Iconológica e Geométrica dos principais temas da pintura portuguesa”, tendo sido financiado por uma bolsa da FCT.

Foi professor do curso de História da Arte na FLUP (2008-­2013) onde lecionou 20 disciplinas diferentes para um total de 48 turmas distribuídas pela Licenciatura, Mestrado e Doutoramento: Metodologia para a História da Arte, História Urbana­-I e II, História da Arquitectura da Época Moderna, Iconografia, Iconografia-­I e II, Iconografia Profana, Iconografia Religiosa, História da Arte e Cultura da Época Moderna, História da Azulejaria, História da Arquitectura Moderna no Mundo Português, Seminário de Projecto-­I e II, Seminário de Investigação-­I e II, Seminário de Dissertação­-I e II, História da Pintura em Portugal-­I e II.

Ainda na FLUP, orientou projetos de pesquisa de pós-graduação (doutoramento e mestrado) e participou em dezenas de júris de Mestrado e Doutoramento.

Coordenou projectos científicos em dois Museus de Braga: Museu Pio XII e Tesouro­Museu da Sé de Braga, nos quais fez a inventariação e realizou estudos de caráter iconográfico, artístico e geométrico. Participou em dezenas de congressos e encontros de natureza científica, integrou diversas Comissões Científicas e actua como revisor científico de periódicos. 

É autor e coautor de livros, capítulos de livros, artigos em revistas, atas de congressos e foi colaborador no dicionário de Artistas e Artífices, editado pelo CEPESE ­ Unidade de I&D da Universidade do Porto a que pertenceu (2005-2013). É investigador do CITCEM – Centro de Investigação Transdisciplinar «Cultura, Espaço e Memória», Unidade de I&D sediada na FLUP, onde integra o grupo de investigação “Memória, Património e Construção de Identidades”.

Desde 2013 que faz pesquisa independente no campo da História da Arte, das Teorias da Imagem e da Iconografia, tendo realizado sobre esses temas diversos cursos e conferências em Portugal e no Brasil.

 

EM DESTAQUE 

 

NOVO:

«A Igreja de Vila Boa - Barcelos»

O Instituto de História e Arte Cristãs (Braga) publicou em finais de Agosto de 2017, um novo livro do Projeto de Inventariação do Património da Arquidiocese de Braga intitulado «A Igreja de Via Boa - Barcelos» onde se apresenta parte do património da referida igreja. Nele, entre outras coleções, são apresentadas as de Ourivesaria, Têxteis, Livros e Pintura. O livro integra uma coleção que conta já com mais de 40 volumes. ISBN: 978-989-8273-28-4

No próximo trimestre será publicado outro volume da mesma coleção.

 

 

OUTRAS PUBLICAÇÕES

 

Dicionário de Artistas e Artífices do Norte de Portugal

(Consultar em ICONOGRAFIA » Download de Artigos)

 

 *    *    *

 

 

«Iconografia. Pesquisa e aplicação em estudos de artes visuais, arquitetura e design»

Uma publicação da Editorial da Universidade Federal da Bahia (Brasil), levada a cabo na sequência do curso de iconografia que realizámos em Salvador da Bahia e que reúne trabalhos de vários participantes no curso e outros investigadores. O nosso artigo intitula-se “O Método Iconográfico e sua aplicação na análise da fachada da Igreja da Madre de Deus em Macau” e realiza a análise iconográfica e a síntese iconológica da fachada da referida igreja jesuíta. ISBN: 978-85-232-1492-0

 

 *    *    *

 

«Christus»

Catálogo da coleção de arte religiosa, que inclui sobretudo representações de Cristo, oferecida à Irmandade dos Clérigos, que também é responsável pela edição do livro. Neste Catálogo a nossa participação concretiza-se com o estudo da coleção de pintura em geral e pela análise mais detalhada de algumas das obras de pintura, em particular.

 

topo